Empresa russa apresenta 'moto-drone' que consegue transportar uma pessoa

Drone elétrico da Hoversurf ainda se encontra em fase de protótipo. Companhia diz que veículo poderá ser pilotado por profissionais e amadores

moto drone

A companhia russa Hoversurf, especializada na construção de drones, demonstrou na última semana uma espécie de moto-drone, que à primeira vista, pode soar perigoso demais para você pensar em usá-lo como meio de transporte no futuro.

Batizado de Scorpion-3, trata-se ainda de um protótipo de hoverbike que combina um drone quadcopter e uma motocicleta.

O drone elétrico comporta uma pessoa e será destinado tanto para pilotos profissionais e amadores, diz a Hoversurf. Uma meta da companhia que se chocaria com questões mais práticas, como obter licença para pilotar um drone desse porte.

O hoverbike ainda usa um software dedicado para limitar a sua velocidade, algo que visa a segurança de seu usuário, caso ele se sinta seguro o suficiente para colocar suas pernas próximas a quatro hélices incessantes.

Diferentes empresas de tecnologia têm trabalhado em protótipos para transportes semelhantes.

Recentemente, o Uber anunciou que está contratando o ex-engenheiro da NASA, Mark Moore, para dar início ao seu projeto de carros voadores, o Uber Elevate.

Atualmente, o plano da companhia é criar uma rede de pequenos veículos elétricos para transportar passageiros em grandes cidades de forma autônoma.

Já a chinesa Ehang apresentou na CES do ano passado seu Veículo Aéreo Autônomo Ehang 184, que consegue transportar uma pessoa de um ponto A a B e a uma altitude de 3.350 metros.

Segundo a companhia, o objetivo é fornecer uma solução de transporte para curtas distâncias e facilitá-las, tendo em vista que os percursos seriam controlados por um aplicativo.


Destaque
Recentes
Arquivos
Procure por Tags